Paul McCartney

Phil Collins explica por que deixou de ser fã de Paul McCartney

phil-collins-today

Phil Collins, que acaba de anunciar sua volta aos palcos numa nova turnê prevista para ano que vem, explicou no programa On The Air Tonight como deixou de ser fã de Paul McCartney. Foi em 2002, quando foi ‘esnobado’ pelo ex-beatle em um evento no Palácio de Buckingham. Phil se sentiu desapontado quando o seu encontro com o ídolo não ocorreu como planejado.

Ele, que é fã dos Beatles desde os anos 60, pediu para Paul McCartney autografar uma cópia do livro The Beatles, de Hunter Davies. “Eu disse: ‘Hey, Paul, você se importa de assinar isso para mim?’ e ele disse ‘Oh, Heather [Mills, sua esposa naquela altura], o nosso pequeno Phil é um fã dos Beatles! Eu pensei: ‘fuck you, fuck you’. Nunca esqueci. McCartney foi um dos meus heróis. Mas ele tem essa coisa quando ele está falando com você, onde ele te faz se sentir … ‘Eu sei que isso deve ser difícil para você, porque eu sou um Beatle. Eu sou Paul McCartney e deve ser muito difícil para você realmente puxar uma conversa comigo’”, contou Collins.

Uma curiosidade: Phil Collins é tão fã dos Beatles que aparece, ainda criança, fazendo figuração na platéia, enquanto os Beatles tocam, no filme A Hard Day’s Night.

phil-collins

Comentários

Clique Aqui Para Comentar

Quer comentar?

  • Se bem que ele costuma agir assim mesmo… rsrsrs

    Em suas entrevistas e onde podemos vê-lo, Paul sempre procura na suas atitudes e forma de falar dar menos importância do que as pessoas tem, mesmo que sejam pessoas realmente importantes. O único a quem tece elogios acima de si mesmo é para John Lennon, mas só depois que morreu…

    Bom, é só ver como ele se dirigia a George e ainda ao Ringo, não que seja desrespeitoso, muito pelo contrário, mas suas atitudes deixam transparecer que ele faz questão de não dar tanta importância para eles. Paul é conhecidamente um cara controlador.

    Bom, mas também, foda-se, é o Paul McCartney porra!!! kkk