Paul McCartney quer que você faça uma coisa pelo planeta

Clique Aqui e veja o vídeo!

McCartney, ícone global e ex-Beatle, é mais conhecido por sua música do que por seu ativismo, mas é um notório vegetariano. Ele falou de suas escolhas e paixões pessoais em uma entrevista com Susan Goldberg, editora-chefe da revista National Geographic.

“Eu apoio outras causas também. Mas essa, particularmente, é como eu vivo. Assim, posso dizer às pessoas: ‘Apenas tente’”, disse McCartney. “Eu digo, na verdade é divertido quando você para e observa o que faz, o que come, como vive e como pensa. É isso que quero fazer pelo resto da minha vida ou não seria interessante tentar mudar?”

Na entrevista acima, McCartney fala sobre o próximo lançamento de Um dia por semana, documentário que ele fez com suas filhas, Mary e Stella McCartney. O filme conta com a atriz vencedora do Oscar, Emma Stone, e o ator Woody Harrelson, indicado ao prêmio da Academia e vencedor do Emmy. Os dois narram e compartilham fatos relacionados ao impacto da criação de gado sobre as mudanças climáticas.

“Meu filme, One day a week (Um dia por semana), busca aumentar a conscientização sobre essa importante questão e mostrar às pessoas que, se todos nos juntarmos nesse objetivo, podemos ajudar a melhorar o meio ambiente, reduzir os impactos negativos das mudanças climáticas e até mesmo melhorar saúde das pessoas”, disse McCartney.

O curta documentário serve de apoio para a campanha sem fins lucrativos dos McCartneys, Segunda Sem Carne. A campanha tem como foco os impactos negativos causados pelo consumo de carne e como isso pode prejudicar o meio ambiente. McCartney espera encorajar as pessoas a ajudar na diminuição dos efeitos das mudanças climáticas comendo menos carne.

“A Segunda Sem Carne incentiva as pessoas a não comer carne por pelo menos um dia da semana na esperança de que, se um número significativo de pessoas seguir esse conceito e a ideia se espalhar, isso fará a diferença”, disse ele.

A criação, o processamento e o consumo de animais de criação é um grande emissor de gases de efeito estufa que contribuem para as mudanças climáticas. Ao comer menos carne, as pessoas podem reduzir significativamente suas pegadas de carbono e diminuir o uso da água.

Na entrevista, McCartney também disse a Goldberg sobre sua inspiração para compor a música ‘Lady Madonna’. Ele disse ter escrito a música depois de ver uma foto da revista National Geographic de uma mulher malaio-polinésia cercada por três pequenas crianças, uma delas no peito. A imagem do fotógrafo Howard Sochurek foi publicada na reportagem Forças especiais americanas em ação no Vietnã, de janeiro de 1965.

“Mas uma edição específica, que vi nos anos 1960, tinha uma mulher. E ela parecia muito orgulhosa e tinha um bebê”, disse McCartney. “Eu vi isso como uma coisa meio Madona, mãe e filho, e pude simplesmente… Você sabe, às vezes você vê uma foto de mãe e diz: ‘Ela é uma boa mãe’. Você podia perceber que tinha uma ligação e isso me afetou. Foi nisso que me inspirei para escrever ‘Lady Madonna’, minha música, naquela foto.”

O filme está programado para ser lançado sexta-feira, 3 de novembro.